Detran MG Transferência de Veículo

detran-mm-transferencia-2

Está à procura de informações sobre o Detran MG Transferência? Ao longo deste texto, você verá informações importantes sobre o assunto.

Ademais, você saberá como executar a transferência de veículo e conhecerá os preços das placas Mercosul.

Leia este texto aqui no Detran Vias e entenda um pouco melhor o Detran MG Transferência.

Como fazer transferência de veículo pela internet Detran MG?

Para fazer a transferência de veículo pela internet do Detran MG Transferência, siga os passos abaixo:

  1. Preencha o formulário eletrônico do Detran MG e faça a impressão da Ficha cadastro e do Documento de Arrecadação Estadual (DAE);
     
  2. Depois disso, o DAE deve ser pago em alguma das unidades da rede bancária credenciada
  3. Em alguns municípios, agendar a vistoria é obrigatório. Contudo, isso só pode ser feito após o pagamento do DAE. Mas é preciso fazer o agendamento antes;
     
  4. Após fazer o agendamento, compareça ao setor de vistoria da unidade de trânsito local;
     
  5. Após a aprovação do veículo na vistoria, o interessado deve se dirigir ao setor de registro de veículo. Ao chegar, ele receberá o número do CRV-e e poderá emitir o novo CRLV-e no site da instituição. Ele também poderá emitir esse documento no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT) ou no Portal de Serviços do Denatran.

Se as placas do veículo estiverem em mau estado de conservação, o condutor terá que adquirir novas placas.

Caso você precise alterar a sua placa, dirija-se ao setor de emissão de documentos da unidade de trânsito para retirar a autorização para compra desses objetos.

Você receberá os documentos alterados após confirmar a compra. Antes de fazer isso, é preciso ler as orientações para troca de placas.

Qual é o valor da taxa de transferência de veículo em MG?

Para transferência de veículo em Minas Gerais, o valor exigido é R$ 181,87. Além disso, os seguintes documentos são exigidos para a pessoa física:

  • Documento de identidade (original e cópia);
  • CPF (original e cópia);
  • Recolhimento do DAE – Taxa de Transferência de Veículo;
  • Certificado de Registro de Veículo – CRV (Original, com firma reconhecida por autenticidade do vendedor e do adquirente do veículo);
  • Ficha de Cadastro disponível no site do DETRAN MG, devidamente preenchida e assinada pelo comprador do veículo;
  • Documento de vistoria do veículo (entregue após o veículo ser aprovado na vistoria).

Quanto tempo demora a transferência Detran MG?

Para fazer a transferência de um automóvel de outro estado para Minas Gerais, todos os débitos devem estar pagos e atualizados no sistema do Departamento de Trânsito  de Minas Gerais (Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), Taxa de Licenciamento, Seguro DPVAT, Multas e a baixa de impedimentos, se houver).

Se o veículo tiver alguma alteração em suas características de fábrica, será pago apenas um DAE de transferência de propriedade.

Ou seja, não será preciso efetuar pagamento do DAE de alteração de dados referente à alteração. Os documentos ligados às mudanças deverão ser apresentados no momento da vistoria.

Com relação a emissão de documentos, na cidade de Belo Horizonte/MG, o documento de transferência é emitido imediatamente após a aprovação na vistoria veicular. Já no interior do estado, a documentação é entregue, em média, três dias após a aprovação na vistoria veicular.

Com relação ao valor cobrado pelas estampadoras, não há regulamentação de preços para isso.

Dessa forma, o proprietário do veículo pode escolher a estampadora de sua preferência.

Antes de fazer a compra, o proprietário poderá pesquisar os valores cobrados para vendas de placas.

Se o consumidor se sentir lesado devido a cobrança de preços abusivos, ele pode procurar o Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON).

Com isso, ele pode registrar uma reclamação e conseguir algumas orientações de como proceder.  

Para verificar todas as taxas e obrigações legais, é preciso entrar no site do Detran-MG, ou pesquisar na Delegacia de Trânsito de sua cidade. Caso queira tirar dúvidas por telefone, ligue para 155.

Quanto custa uma placa Mercosul em Minas Gerais?

O preço das placas Mercosul em Minas Gerais costuma variar bastante. Por exemplo, desde o dia 17 de fevereiro de 2020, o preço das placas Mercosul em Belo Horizonte/MG é de R$ 170. Por outro lado, na cidade de Contagem/MG, o preço médio dessa placa é de R$ 250.

Como essas placas não possuem a tarjeta de nenhum município, a Associação Nacional dos Fabricantes de Placas Veiculares (Anfapv), garante que é possível comprá-las em outra cidade.

Ou seja, a placa Mercosul pode ser adquirida em qualquer município do estado em que será registrada.

Qual é o endereço do Detran MG?

Para encontrar alguma unidade de atendimento do Detran MG, é preciso entrar na lista de unidades do órgão.

Depois disso, digite o seu município no campo de pesquisa e clique em “Pesquisar”. A partir daí, você achará a unidade do Detran MG mais próxima da sua casa.

Qual é o telefone do Detran MG?

Para falar com o SAC, o telefone do Detran MG é 155 (Minas Gerais) ou (31) 3069-6601 (outros estados).

Para quem possui deficiência auditiva ou na fala, o telefone do Detran MG é 0800 200 155.

O horário de atendimento é de segunda à sexta-feira, das 7hs às 19hs e, aos sábados, das 8hs às 15hs. Esse setor está disponível para receber sugestões, elogios, reclamações ou solicitações.

Como fazer uma reclamação do Detran MG?

Por melhor que seja um órgão público, pode acontecer dele fazer algo errado e prejudicar o consumidor.

Se isso acontecer, é necessário conhecer os locais certos para fazer uma reclamação. Assim, o reclamante poderá brigar por seus direitos caso seja lesado de algum modo.

A seguir, conheça algumas alternativas para fazer reclamações sobre o Detran MG:

Reclamação do Detran MG no Reclame Aqui

Para reclamar sobre o Detran/MG no Reclame Aqui (RA), o primeiro passo é fazer o cadastro gratuito no site e criar o seu perfil.

Depois disso, digite o seu texto e explique qual é o motivo da sua reclamação.

Numa escala de 0 a 10, a avaliação geral do Detran/MG no site Reclame Aqui é tão ruim que sequer possui nota.

Por conta disso, o Reclame Aqui classifica esse órgão público como “não recomendado”.

Entre agosto de 2018 e agosto de 2021, o Detran/MG recebeu 1180 reclamações e não respondeu nenhuma delas.

Entre janeiro e dezembro de 2020, esse órgão público recebeu 405 reclamações e não respondeu nenhuma delas.

Devido a essa ineficiência para resolver reclamações, o Detran MG é uma das piores empresas avaliadas pelo RA.

PROCON – Direitos do Consumidor

Se, de algum modo, os clientes perceberem que foram lesados pelo Detran MG ou por qualquer outra instituição, eles podem acionar o Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (PROCON).

Com o aval do Poder Executivo municipal e estadual, esse órgão tem como objetivo proteger os direitos e interesses dos consumidores.

Como o PROCON possui um contato direto com a população, ele ajuda as pessoas a brigarem por seus direitos.

Atender ao consumidor lesado por uma empresa é uma das principais funções do PROCON.

Em boa parte dos casos, o consumidor recebe um atendimento pessoal. Contudo, não há nenhuma lei que impeça o PROCON de usar e-mail, correspondência ou telefones para transmitir instruções as pessoas que o procuram.

Conclusão sobre o Detran MG Transferência

Os Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) são órgãos ligados ao Poder Executivo Estadual.

A função desses órgãos é fiscalizar o trânsito de veículos terrestres em seus respectivos estados, sempre no território brasileiro.

Além da função citada acima, os Detrans também lidam com a determinação de normas para a formação e fiscalização de condutores.

Leave a Reply

20 − 16 =